Como de costume, os jogos da franquia Pokémon são lançados em pares, com algumas pequenas diferenças. Confira então as criaturas exclusivas de Pokémon Sword e de Pokémon Shield (Switch).

Pokémon Sword e Shield já estão disponíveis para o Nintendo Switch desde o ano de 2019. A nova aventura de uma das principais franquias da Nintendo se passa em Galar. Continente baseado na Inglaterra e no País de Gales e que inaugura a Oitava Geração da franquia. Contudo, por mais que com o passar do tempo as novidades surja, como a quantidade de criaturas, uma coisa ainda se mantém. A franquia sempre lança jogos em pares. Foi assim desde Pokémon Red e Blue do Game Boy e é uma prática que se mantém. Basicamente, as versões são as mesmas, sempre alternando alguns Pokémon exclusivo, que só são encontrados em uma versão. Assim como alguns outros eventos, como líderes de ginásio que se diferem ou a equipe vilã.

Nos idos de 1998, essa discriminação entre versões servia para uma das funcionalidades que vendiam o Gam Boy, a possibilidade de troca com os amigos. Por tal motivo, os títulos tinham a premissa de obrigar que alguém trocasse com o amigo para completar a famosa Pokédex. Os anos passaram, a rede mundial de computadores se tornou ainda mais difundida. E agora, mesmo com uma possibilidade maior de comunicação com qualquer um ao redor do mundo, Pokémon ainda é lançado em pares, como é o caso de Pokémon Sword e Shield. Dito isso, rapidamente mostraremos quais são os Pokémon exclusivos de Sword, e quais são encontrados em Shield.

pokemon-sword-shiel-exclusivo

Lembrando que para possuir as criaturas da outra versão, basta a troca local, com um conhecido que tenha um Nintendo Switch. Também existe a troca aleatória, onde você trocará online com qualquer pessoa ao redor do mundo. E por fim, o aplicativo Pokémon Home, que permite trocar exatamente pelo Pokémon que deseja (como o antigo Pokémon Global Link) ou transferir os monstros que já tinha no Nintendo 3DS – que por sua vez também tinha o Pokémon Bank – onde o jogador transferia os Pokémon da época do Nintendo DS. Obviamente, os lendários da capa são as principais diferenças. Em Sword, Zacian pode ser capturado pelo jogador, enquanto em Shield, Zamazenta é o Pokémon especial.

Em Pokémon Sword, podem ser capturados de maneira exclusiva, as linhas evolutivas de Seedot (nativo de Hoenn), Scraggy, Gothita, Rufflet e Deino (de Unova), Swirlix (de Kalos) e Jangmo-o (de Alola). Além deles, Galar possui as versões específicas de Farfetch’d, e sua evolução Sirfetch’d, assim como o Darumaka do tipo Gelo. Anteriormente, em Unova, ele era um Pokémon de Fogo. Soma-se também criaturas sem evolução, mas com uma contraparte, como Mawile, Solrock, Passimian, Turtonator e Stonjourner. Basculin e Indeedee tem versões próprias, o primeiro é a versão Red Stripped, enquanto o segundo é a versão masculina. Por fim, na Wild Area, é possível encontrar a versão Gigantamax de Machamp, Coalossal e Flapple. Este último é exclusivo, uma vez que o item necessário para evoluí-lo só é encontrado neste jogo.

pokemon-sword-shiel-exclusivo

Já em Pokémon Shield, as capturas ocorrem com as linhas evolutivas de Larvitar (de Johto), Lotad (de Hoenn) e Coragunk (nativo de Sinnoh). Completam ainda Solosis e Vullaby de Unova e Spritzee e Goomy de Kalos. Além deles, como a franquia vem fazendo desde Pokémon Sun e Moon outros Pokémon ganham versões regionais. É o caso de Corsola, e sua evolução regional, Cursola e Ponyta, com sua evolução Rapidash. Soma-se criaturas sem evolução, e que suas contrapartes estão em Pokémon Sword. Como é o caso de Sableye, Lunatone, Oranguro, Drampa e Esicue. Basculin e Indeedee tem as outras versões, o primeiro a Blue Stripped e o segundo a versão feminina. Por fim, na Wild Area, é possível encontra a versão Gigantamax de Lapras, Gengar e Appletun. Este último é exclusivo, e da mesma forma que Flapple, possui um item que somente encontrado neste jogo.

Sendo assim, para que um jogador consiga completar a Pokédex de Galar, será necessário a troca local ou online. Para o uso da comunicação online, será necessário assinar o Nintendo Online da plataforma. Caso não queira adquirir, será somente possível utilizar a troca tendo um amigo com um outro Nintendo Switch. A segunda possibilidade, o aplicativo Pokémon Home tem sua versão gratuita com limitações. Caso queira acabar com estas restrições, ele também é pago. Tendo pacotes de um mês e até um ano disponível na e-Shop. Seu funcionamento é análogo ao Pokémon Bank, contando com armazenamento em massa e na nuvem de seus monstros. Assim como uma Pokédex Nacional e possibilidade de troca pelos smartphones. Por fim, importante destacar que Pokémon Sword e Shield ganharão novos pacotes de expansão, aumentando a quantidade de monstros possíveis de captura.

2 comentários »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.