A missão “No Russian” gerou polêmica em Call of Duty: Modern Warfare 2 no seu lançamento original. Agora, em sua versão remasterizada, a missão é a responsável pelo veto do jogo na Rússia.

Já direto ao ponto, Call of Duty é uma das mais privilegiadas franquias de FPS existentes atualmente. Produzida pela Activision, o título já conta com uma infinidade de capítulos e plataformas disponibilizadas. Passando pelo PC, por quase todos os consoles e até mesmo os portáteis. O lançamento mais recente, Call of Duty: Modern Warfare 2 ganhou outros ares. Com visual melhorados com os gráficos do PlayStation 4, o game já está disponível na plataforma da Sony, que detém privilégios por cerca de um mês. Até que as versões de PC e Xbox One sejam lançadas. Ocorre que o título não será lançado na Rússia. Para quem já jogou a versão original, é bem provável que saiba o motivo.

 call-of-duty-modern-warfare-2

Em seu lançamento original, em 2009 para PlayStation 3, Xbox 360 e PC, Call of Duty: Modern Warfare 2 atingiu certa polêmica com uma fase. Chamada de No Russian, o jogador se colocava na pele de um integrante da CIA. Para conquistar a confiança de um grupo de terroristas russos, ele tinha que fazer a seguinte situação. Entrar em um aeroporto cheio de pessoas e simplesmente metralhar todos eles ali. O nome da missão, No Russian se deve a uma fala do líder dos terroristas para que ninguém de seu grupo falasse russo. Isso é pelo fato de que, após o atentado a ideia era deixar o corpo do personagem do jogador no aeroporto. Assim, o governo russo poderia entender que os responsáveis por aquela carnificina foram os americanos. E assim, elevar ainda mais a escala do conflito.

Até por este motivo, bastante óbvio, a Sony decidiu não lançar o título na Rússia, fazendo uma espécie de auto veto antes que as autoridades locais fizessem. Vale lembrar que depois do lançamento, a Activision alterou parte do jogo para que a missão, antes obrigatória, se tornasse optativa. Até mesmo dentro do estúdio de produção, a missão No Russian abalou a equipe. Deixando-a dividida sobre como ela deveria ser realmente produzida. E dos impactos que ela poderia causar. Afinal, a fase foi feita tendo como pano de fundo estudos como o Caso do Massacre da Escola de Columbine, nos Estados Unidos. Seu lançamento original, assim sendo repercutiu. Enquanto o jogo como um todo foi elogiado pela crítica especializada, o nível em si foi duramente criticado.

 call-of-duty-modern-warfare-2

Atalmente, Call of Duty: Modern Warfare 2 se encontra em diversas plataformas. Sua versão física original foi lançada em 2009 para os consoles da época. PlayStation 3, Xbox 360 e PC. Enquanto isso, sua versão remasterizada, já se encontra disponível na rede de compras da Sony. O título para o PlayStation 4 está no valor de R$ 79,90 e monta com todas as melhorias de nova geração em quesitos técnicos. Como nova textura, mecânicas de iluminação e gráficas produzidos pela plataforma da Sony. Para as outras plataformas em que o título estará disponível, eles serão lançados um mês depois. No final de Abril, visto a exclusividade temporária do título para o PlayStation 4.

2 comentários »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.