Com lançamento exclusivo por um mês para o PS4, Call of Duty: Modern Warfare 2 – Remastered é a mesma leitura de um antigo jogo com novos gráficos. Entre novamente na Terceira Guerra Mundial e encontre o mundo no caos em um modo campanha digno das explosões de Michael Bay.

Call of Duty: Modern Warfare 2 – Remastered já está disponível para o PlayStation 4. Ou melhor, sempre esteve disponível para várias plataformas. Com seu lançamento em 2009, o público de jogos eletrônicos já teve a oportunidade de jogar o título, considerado em seu lançamento um dos melhores da franquia da Activision. Pois então, mais de dez anos depois, o game ganha uma versão “remasterizada” de exclusividade temporário para o console da Sony. Mesmo que seja de apenas um mês. Ali, no novo console, o jogo é praticamente o mesmo, sendo sua propaganda a melhoria técnica produzida pela geração atual. Custando cerca de R$ 79,90 na loja oficial da Sony, resta saber se o game cumpre com o prometido…

call-of-duty-modern-warfare-2-remastered-critica-01.

Com preguiça de ler toda a notícia ou análise? Então, aqui vai um resumo:

  • Call of Duty: Modern Warfare 2 – Remastered está disponível para PlayStation 4. O título nada mais é do que uma versão melhorada do original de 2009.
  • O ponto forte do noto título é que os gráficos e todo o contexto técnico e gráfico estão aprimorados. Ver a aventura em alta definição e com o poder da nova geração de consoles é um ponto positivo.
  • Infelizmente, o título peca em termos de longevidade ao não possuir modo cooperativo e nem mesmo online.
  • Nota Final: 7,0/10,0

Vamos lá, para início de conversa, Call of Duty: Modern Warfare 2 – Remastered é basicamente o mesmo jogo que você pode ter jogado nos meados de 2009. E isso acaba sendo seu ponto mais positivo, como também o negativo. Explico: praticamente, todas as missões originais estão ali, em especial a “No Russian”. Nessa missão, o jogador, para conquistar a “amizade” de um grupo de terroristas russos deve atirar sem piedade em um grupo de pessoas no Aeroporto de Moscou. A cena controversa fez inclusive com que a Sony vetasse o lançamento do game na Rússia, como um prenúncio de medidas cautelares que o governo russo pudesse tomar. No entanto, se tudo está idêntico ao original, não de pode dizer o mesmo de seus quesitos técnicos. Afinal, essa é a alma da remasterização do título.

[…] Os ambientes, os personagens e as armas também estão maravilhosamente produzidas. Efeitos quando se está chovendo ou a reação dos personagens também são um prazer de serem vistos. […]

Utilizando-se do poder do PlayStation 4, o cenário é nada mais do que deslumbrante. Cenas como o por do sol e praticamente todo o cenário, que é destrutível. Até mesmo colocar um bomba em um lugar determinado mostra-se como uma força cinematográfica. Por um lado, ao fazer um comparação, nota-se o envelhecimento do título, mas sua força ainda pode ser encontrada. Da mesma forma que os ambientes, os personagens e as armas também estão maravilhosamente produzidas. Efeitos quando se está chovendo ou a reação dos personagens também são um prazer de serem vistos. Provavelmente, em um PlayStation 4 Pro, versão melhoradas, os gráficos em 4K estariam ainda mais deslumbrantes. Claro que mesmo com tamanho elogios, é perceptível que alguns pontos foram deixados de lado. Algumas texturas, poucas de fato, perderam-se no trabalho e mostram a datação do título. Mas de forma alguma elas incomodam.

call-of-duty-modern-warfare-2-remastered-critica-01.

Como já falado Call of Duty: Modern Warfare 2 – Remastered  é uma versão aprimorada do jogo original. E por isso mesmo, seu roteiro também permanece o mesmo. Indo diretamente de onde o primeiro título terminou, o jogador é levado a um conflito mundial. No fim de Modern Warfare, Imran Zakhaev morre, porém acaba sendo considerado um mártir em sua pátria mãe, ninguém menos do que a Rússia. É através de sua morte que um grupo nacionalista surge. Seu sucessor, digamos assim, Viktor Makarov incita uma nova guerra mundial, onde os russos invadem o território americano, colocando toda a ordem mundial existente em cheque. Ilógico, surreal ou qualquer outro adjetivo podem ser colocados no roteiro do jogo. Contudo, dentro deste, a narrativa se coloca sólida, e a suspensão da descrença é ativada.

[…] Mesmo diante dos gráficos belos e com a sensação de nostalgia, o game cai na questão do custo benefício.

Infelizmente, o título pode desapontar aquelas que gostam de um mundo competitivo. Isso se deve ao fato de que a versão remasterizada não conta com um modo multiplayer, o que de fato contribui para a queda de sua longevidade. Não por menos, é possível terminar a saga principal do título da Activision em seis horas. Call of Duty: Modern Warfare 2 – Remastered  também não conta com um modo cooperativo, sendo apenas a versão do modo campanha do título original. Sendo assim, mesmo diante dos gráficos belos e com a sensação de nostalgia, o game cai na questão do custo benefício. Com uma longevidade tão curta, seria então viável comprar um título que foi lançado em 2009, mesmo com todas as benevolências que os novos gráficos podem oferecer.

Nota 7,0/10,0 – A resposta é que depende. Call of Duty: Modern Warfare 2 – Remastered tem seus acertos e seus erros. De fato, a qualidade técnica promove um novo olhar em um enredo já conhecido. As missões, por mais que antigas são vistas como novas dada a qualidade dos cenários e dos personagens. Não por menos, a Activision acertou em melhorar a qualidade, buscando dois tipos de jogadores. Os mais nostálgicos que lembram do título original, e aqueles que não o jogaram. Para que provem de um dos capítulos mais famosos da franquia. Sem dúvida, o mundo devastado pela guerra e pelo caos está ainda mais divertido de se jogar.

call-of-duty-modern-warfare-2-remastered-critica-01.

Infelizmente, uma das graças de jogos de tiro em primeira pessoa é poder de jogar com a comunidade. Seja ela de maneira online ou cooperativa. E esse sem dúvida, é o pesadelo desta remasterização, e o seu ponto crítico. Por não possuir estes requisitos, a campanha principal, mesmo que de história agradável termina rápido. E em pouco tempo, é possível que o jogador não seja estimulado para jogar novamente. Afinal, não existe mais o que fazer. Assim, o título é recomendado para aqueles que querem reviver a experiência de 2009, agora com um melhor iluminação e técnica. Tudo que agrada nos jogadores deste título está ali, se é claro você não importar com uma experiência curta demais, e se o custo benefício que você busca estiver ao alcance.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.